Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Edital do Pró-Equipamentos da Capes prevê mais de R$ 5,4 milhões para Universidades Públicas do Estado

Ensino Superior

Edital do Pró-Equipamentos da Capes prevê mais de R$ 5,4 milhões para Universidades Públicas do Estado

Pós-Graduação

Os recursos devem ser aplicados na aquisição de equipamentos destinados à melhoria da infraestrutura de pesquisa científica e tecnológica de programas de pós-graduação das instituições. Foram aprovados projetos apresentados pela Universidade Estadual de Londrina - UEL (R$ 1.541.180,57), Universidade Estadual de Maringá – UEM (R$ 1.540.000,00), Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Unioeste (R$ 1.144.000,00), Universidade Estadual de Ponta Grossa - UEPG (R$ 703.699,85), Universidade Estadual do Centro-Oeste - Unicentro (R$ 395.750,00) e Universidade Estadual do Norte do Paraná – UENP (R$ 165.000,00). 
O Pró-Equipamentos é um programa da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), órgão do Ministério da Educação (MEC) responsável pela expansão e consolidação da pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado) no país. 
Na UEL, instituição púbica estadual que mais captou recursos neste edital, 26 programas das áreas de saúde, agrárias, biológicas e tecnológicas foram contemplados. Segundo o Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da UEL, Amauri Alfieri, este é o sétimo ano consecutivo que a CAPES oferece recursos para os programas de pós-graduação. “É um recurso fundamental para aperfeiçoar os programas de pós-graduação, que muitas vezes ficam dependentes de projetos individuais de professores e pesquisadores”, afirma o Pró-reitor.
O diretor de Pós-Graduação da UEM, Carlos Alberto Scapim, informou que a verba será utilizada para a compra de dezoito equipamentos de uso compartilhado no desenvolvimento de pesquisas em todas as áreas do conhecimento. “A lista é grande e os equipamentos vão ser fundamentais para o fortalecimento da pesquisa desenvolvida pelos nossos programas stricto sensu”, completou.
A proposta da UEPG, contempla quatro subprojetos, envolvendo 12 programas de pós-graduação. O Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Benjamim de Melo Carvalho, destaca a aprovação na íntegra da proposta submetida ao edital do Pró-Equipamentos, como resultado da política institucional de ampliar a infraestrutura de pesquisa vinculada aos 19 Programas de Pós-Graduação (PPGs) da UEPG em funcionamento, com 19 cursos de mestrado e sete de doutorado. “A aplicação desses recursos terá impacto significativo, com aumento da produção científica qualificada e o do número de titulados”, diz, comentando que tais resultados vão contribuir para a melhoria do conceito Capes dos PPGs, além da possibilidade de aprovação de novos cursos de doutorado.
A lista completa das Universidades contempladas pode ser conferida no site