Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Iniciação científica indica aumento do interesse pela pesquisa

Ensino Superior

Iniciação científica indica aumento do interesse pela pesquisa

A relevância da pesquisa na Universidade Estadual do Paraná (Unespar) tem se confirmado a cada nova edição do Programa de Iniciação Científica (PIC). Para o biênio 2017/2018 o cenário é, mais uma vez, de crescimento. A Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PRPPG) fez um balanço preliminar dos resultados a partir da homologação publicada nesta quarta-feira (24).

 

Os números demonstram que são vários os destaques. O principal deles, em percentual, é que na comparação com o ano passado as homologações passaram de 231 para 398. O valor corresponde a um aumento de 72,3%.

 

Dentre as inscrições, registrou-se um total de 446 propostas oriundas dos sete campi da universidade o que representa 118 propostas a mais que em 2016, ou seja, 36%.

 

A tendência de melhorias também atinge as não homologações que diminuíram 50,5%. Agora foram apenas 48 projetos indeferidos em função de algum tipo de problema ou irregularidade na inscrição. No processo anterior, esta primeira etapa inviabilizou a execução de 97 projetos.

 

Na avaliação da diretora de Pesquisa, professora Adriana Beloti, o levantamento atesta que a iniciação científica é uma importante ação que ajuda a fortalecer a pesquisa na Unespar, consequentemente, colabora com a formação de futuros pesquisadores. Como reforça, esses que são alguns dos objetivos do programa.

 

Procedimentos

Para a homologação é verificado se foram submetidos o projeto de pesquisa, a ficha de inscrição e a tabela de pontuação de currículo Lattes devidamente preenchidos. A conferência dos documentos foi realizada pelo Cômite Assessor de cada campus, depois pela diretoria de pesquisa da PRPPG e, por último, pelo Comitê Assessor Local de Iniciação Científica (CALIC). A relação completa pode ser acessada em prppg.unespar.edu.br.